A Tetralon

Entenda O Que é NPSH

Você sabe o que é NPSH? Do inglês Net Positive Suction Head (ou carga positiva de sucção) o NPSH é o quanto de energia na forma de pressão tem no bocal de sucção da bomba, um parâmetro responsável por medir a pressão atmosférica e a pressão da coluna de líquido com a finalidade de evitar a cavitação, ou seja, a formação de bolhas de vapor ou de gás em um determinado líquido.

Sendo assim, o NPSH é fator fundamental para o bom funcionamento de bombas e diminuição de perdas quando falamos sobre circuito hidráulico. Confira mais sobre o assunto a seguir.

O que é NPSH: entendendo o conceito

Para saber o que é NPSH é importante entender que as bombas criam zonas de baixa pressão em sua entrada, dessa forma, o líquido é forçado para dentro do mecanismo a partir da pressão exercida pelo peso do ar juntamente com a pressão da coluna de líquido (que fica acima da linha da bomba). Dessa forma, a pressão atmosférica acaba limitando a altura da qual a bomba pode puxar o fluido.

Será que o NPSH que tenho disponível é o suficiente?

A função do NPSH é mostrar o quanto o líquido deve ser empurrado antes que comece a formar bolhas. Quando vamos bombeá-lo, o correto é que ele chegue até a linha central do ponto de sucção da bomba e não ocorra a evaporação do fluido.

Quando falamos sobre NPSH, devemos levar em consideração dois aspectos:

• o NPSH Disponível (NPSH d) — referente à pressão absoluta exercida pelo sistema na entrada da bomba;
• e o NPSH Requerido (NPSH r) — sendo a pressão mínima exigida na entrada da bomba para evitar a cavitação. Essa informação é fornecida pelo fabricante.

É possível saber qual o NPSH disponível através da seguinte fórmula:

NPSH d= (P1-PV)/D+H-PCD- PCS

P1= Pressão manométrica no tanque (acima do nível do fluido)

PV= Pressão de vapor do fluido na temperatura de bombeamento

D= Densidade relativa do fluido

H= Desnível entre o fluido e bocal da bomba (- se sucção e + se afogada)

PCD= Perda de carga distribuída no trecho reto de tubulação

PCS= Perda de carga singular devido a válvulas, filtros, curvas, etc.

Como analisar

Considerando ambos os tipos, é importante que o operador avalie não apenas se o NPSH do seu sistema (NPSH d) é maior que o NPSH requerido pela bomba (NPSH r), mas que exista uma folga de aproximadamente um metro para garantir que a perda de carga do fluido, antes dele ganhar pressão, seja coberta (caminho feito desde o bocal da bomba), por isso, o NPSH disponível não deve se igualar ao requerido, mas conter sempre uma reserva do valor exigido pelo fabricante da bomba.  Essa é uma regra que deve ser seguida para evitar problemas de ruído, vazão reduzida, menor vida útil, desgastes e vibração excessiva.

É importante que, ao fazer a manutenção preventiva, esses aspectos sejam analisados e levados em consideração, principalmente quando há bombeamento de líquidos viscosos por longas distâncias ou altamente voláteis (gás e álcool, por exemplo), além dos tanques subterrâneos.

Algumas soluções para obter o NPSH ideal podem ser: o aumento do diâmetro na tubulação, retirar as singularidades, usar por exemplo um filtro maior/com tela, mudar a pressão do líquido ou subir o tanque.

Agora você já sabe o que é NPSH e como sua análise é importante para garantir o rendimento e reduzir os custos com falhas. Para continuar se informado sobre assuntos como este acompanhe o blog da Tetralon e conheça também os serviços oferecidos de distribuição de bombas de transferência de fluidos e assistência técnica.

Mais Artigos

Essa ação não é permitida.